América RJ 1986

4º Lugar Campeonato Brasileiro (Copa Brasil)

"Entre os principais jogadores americanos estão o goleiro Régis, o zagueiro Denilson, o meia-atacante Renato e o centroavante Luizinho..."

Defesa:

1.Régis; 2.Polaco, 3.Bene, 4.Denilson e 6.Paulo César;

Meio-Campo:

5.Müller, 8.Serginho e 10.Pedro Paulo;

Ataque:

7.Renato Carioca, 9.Luizinho Lemos e 11.César

Técnico: Pinheiro

Nem Flamengo, nem Fluminense, nem Vasco da Gama, nem Botafogo... o esquadrão carioca que pisa firme no gramado do Maracanã, na noite de 18 de fevereiro de 1987, para enfrentar a forte equipe do São Paulo no jogo de volta das Semifinais do Campeonato Brasileiro de 1986 é do América Football Club.


A classificação do América na competição nacional de 1986, denominada Copa Brasil, que só termina no ano seguinte, além de levar o time às Finais, consolida a participação na Taça Libertadores. Para isso, uma vitória simples é suficiente diante do Tricolor Paulista, ganhador do jogo de ida no Morumbi por 1 x 0.


Entre os principais jogadores americanos estão o goleiro Régis, o zagueiro Denilson, o meia-atacante Renato Carioca (Laércio da Silva Vieira Canil), então com 19 anos, e o centroavante Luizinho Lemos com a experiência dos seus 34 anos. Do lado paulista, Gilmar, Darío Pereyra, Silas, Pita, Müller e Careca garantem a qualidade técnica do grupo treinado pelo técnico Pepe.


Aos 41 minutos do primeiro tempo o camisa 9 são-paulino esbanja categoria e abre o placar. A partida parece decidida com o gol de Careca. Se o empate já é ruim para o América, o novo placar desfavorável piora ainda mais a situação. O segundo tempo promete ainda mais bravura. A prova é de fogo, mas o Mecão também tem seus Menudos dispostos a dar show.


O Rubro segue na luta até chegar ao empate aos 27 da segunda etapa com o meia Renato recebendo passe de cabeça de Luizinho. E o garoto da camisa 7 quase vira o jogo um minuto depois com um forte chute frontal de dentro da área, mas o goleiro Gilmar faz o impossível para evitar. Faltou pouco para a virada e sobrou muito de juventude e talento ao timaço da Tijuca.

Botões & Esquadrões é um incentivo à prática do Futebol de Botão e uma homenagem a equipes que marcaram época no futebol brasileiro e mundial.

64 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

© 2011-2021 Botões & Esquadrões em Wix.com