Marca Botões e Esquadrões
A eterna força dos Bávaros
O Bayern do meado da década de 1980 não contava mais com o "Kaiser" Franz Beckenbauer, nem com os gols de Gerd Müller, muito menos com a constelação de estrelas de várias nacionalidades como acontece atualmente, mas nem por isso era menos forte.

Entre os ídolos da equipe da temporada 1984-1985 estavam o zagueiro Klaus Augenthaler e o jovem meia Lothar Matthäus, ambos se tornariam campeões mundiais na Copa da Itália em 1990.

O toque estrangeiro ficava por conta do volante dinamarquês Sören Lerby e do goleiro belga Jean-Marie Pfaff, dois grandes destaques da Copa do México de 1986.

Naquela temporada o time não ganhou nem a Europa nem o Mundo, mas jogou o suficiente para conquistar a Bundesliga pela sétima vez.

 Defesa:
1.Pfaff (belga); 2.Dremmler, 5.Augenthaler, 4.Eder e 3.Willmer;
Meio-Campo: 
6.Lerby (dinamarquês), 7.Pflügler e 8.Matthäus; 
Ataque: 
10.Kögl, 9.Wohlfarth e 11.Michael Rummenigge

Técnico:
Udo Lattek

 

Cartela para Futebol de Botão

 
 
 
Bayern em ação contra o Karlsruhe                                                                   

Botões & Esquadrões estimula o conhecimento da história do futebol nacional e internacional, e incentiva a prática do Futebol de Mesa.

Participe. Deixe o seu comentário e colabore com o nosso portal.

 

 

 

 

 

Comentários

Desenvolvido com por tavares.in